Deixe um comentário

Faça Você Mesmo #1: Rogério Curiel

ENTREVISTA PARA O LOWZINE – Uma entrevista feita pelo nosso amigo Tim para o seu blog Lowzine, que em breve estará ganhando sua primeira edição impressa.

Lowzine

Quando criei esse blog uma das grandes intenções, senão a principal, era de divulgar publicações independentes feitas por habitantes de Mandaguari, dessa forma, trago hoje o primeiro texto dessa série apresentando o designer gráfico, colecionador de HQ’s inveterado e o autor em conjunto com o Alan Bariani e outros amigos da revista independente Cotidiano Continuo que até agora já teve dois números e segundo o Rogério, sai o terceiro esse ano.

18688_598285606865789_2105184621_n

O Curiel, como é mais conhecido, que começou lendo os quadrinhos do Maurício de Souza e Hqs de super herói conta que resolveu que queria começar a criar suas próprias histórias quando já estava um pouco cansado dos quadrinhos de super herói americanos e foi atrás de outros tipos de HQs, o marco disso para ele foi a leitura de o Edifício do consagrado Will Eisner, considerado um dos maiores gênios dos quadrinhos por suas histórias calcadas na realidade…

Ver o post original 1.176 mais palavras

Anúncios


Deixe um comentário

HOMEM ARANHA

homem aranha

 

Sempre fui fã do Homem Aranha, desde pequeno, junto com as revistas da Turma da Mônica foram meus primeiros gibis que minha mãe comprou para mim. Em 1989 eu fui a banca onde já comprava a algum tempo, e uma capa em questão me chamou a atenção, era a capa da edição do Homem Aranha 70, da Editora Abril, que trazia o final do confronto do Aranha conta o Duende Macabro e também mostrava o herói desaparecendo no meio do Central Park.

ShowImage (2)

Dando início a fase do uniforme negro na edição seguinte, foi um período que comecei a comprar todas as revistas da Marvel que chegavam na única banca da cidade, que na verdade nem era uma banca e sim uma papelaria que tinha uma parte da sua loja dedicada a revistas, e que tudo girava em torno das Hq’s de super heróis, principalmente do Homem Aranha.

Os anos passaram e faz um bom tempo que não leio nada recente do personagem, mas sempre que posso estou revisitando minhas antigas revistas para matar a saudade. Minha admiração pelo personagem era tanta que até hoje minha mãe e minha irmã presentes relacionados ao Homem Aranha.


Deixe um comentário

Garotas de Guache #01.

Garotas de Guache.


1 comentário

Mônica

Meu primeiro contato com a Turma da Mônica foi no ano 1984, com uma revista da Mônica comprada pela minha mãe, acho que foi no Supermercado Boa Vista ou no Supermercado Deni, ambos ficavam na Praça Tiradentes na região do Bom Pastor, aqui mesmo em Mandaguari, para quem nunca ouviu falar a cidade fica no noroeste do Estado do paraná,  foi minha primeira revista em quadrinhos, exemplar que tenho até hoje, mesmo que bastante danificada, primeiro porque na época tinha pouco mais de seis anos de idade e segundo pela ação do tempo, lá se foram vinte nove anos. Tenho um carinho muito grande por essa edição, ela foi a primeira de uma coleção que hoje já passou de três mil revistas, marcando o inicio de uma paixão pelos quadrinhos que sempre remete aos bons tempos da infância.

205889_259160347444985_7981436_n